Resenha: Trama - Michael Jensen / David Powers King

03/06/2016

Michael Jensen
David Powers King
Ano: 2016 / Páginas: 304
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
TODO MUNDO FAZ PARTE DE UMA TRAMA.
O sonho de Nels era ser cavaleiro do reino de Avërand. Filho obediente, ajudava como podia os moradores de sua pequena e tranquila aldeia. Querido por todos e tratado como herói, acreditava que logo seria selecionado como escudeiro da cavalaria.
Mas isso foi antes de ser assassinado por uma figura misteriosa.
Nels virou um fantasma, e agora só uma pessoa consegue vê-lo: a princesa Tyra, herdeira do reino e sua única esperança de entender o motivo do crime. A princípio, a jovem mimada não dá a menor confiança para o rapaz, mas, à medida que o mistério da morte dele vai se desenrolando, os dois percebem que têm em comum um segredo e um inimigo terrível, que pode se disfarçar de qualquer pessoa.
Nels e Tyra não têm escolha. Precisam fugir do castelo, desbravar um mundo oculto repleto de magia e espectros sombrios e encontrar uma agulha, a relíquia capaz de remendar o que foi descosturado na Grande Tapeçaria. E o tempo corre contra eles, pois o fio de Nels está prestes a desaparecer para sempre.


Oi gente,

Nels é um jovem de 16 anos que sonha em ser um cavaleiro em Avërand, mas sua mãe sempre o proibiu de se aproximar do reino. No entanto, o sonho dele era grande demais e em um dia um senhor veio até sua casa e o convenceu a participar do festival onde haveria a presença da família real. Nels vai mesmo contra a vontade da mãe e acaba conhecendo a princesa que o despreza. Infelizmente os cuidados de sua mãe eram necessários, um antigo inimigo do reino voltou para conquistar o que achava que tinha direito e por considerar Nels um erro, o mata.

Tyra quer muito ficar com o cavaleiro Arek, convencida pelo mesmo senhor que falou com Nels, segue para a floresta, mas também tinha sido enganada acaba não encontrando Arek  e sim o fantasma de Nels. Qua a importuna de várias formas até que ela o ajude a entender porque permance como fantasma. Ickabosh, o senhor que enganou ambos para que se encontrassem finalmente explica o que está acontecendo.

“Cada pessoa é um fio, tecido na Grande Tapeçaria – disse Bosh – A Grande Tapeçaria é o registro do nosso mundo, as ações da nossa realidade comprimidas pelos pentes do tear do tempo. – Bosh parou por um segundo. – Sabe qual é a minha profissão, Alteza? (...) A primeira é uma rara forma de magia chamada Urdidura. Eu sou um alfaiate. Mantenho a Grande Tapeçaria.”
“Nels e Tyra se entreolharam, perplexos. Magia baseada nos fundamentos da costura e da tecelagem? Nels jamais imaginaria uma coisa assim. Ao mesmo tempo, fazia sentido.”

A partir daí, ambos tem uma jornada e um objetivo, que se torna confuso e perigoso quanto mais eles avançam. Intrigas, traições e muita magia são usados para que eles sejam derrotados. Em compensação também encontram várias pessoas dispostas a ajudarem, o que faz toda a diferença. 

O livro tem um quê de conto de fadas, adorei a jornada de Nels e Tyra. Gostei do ritmo da história, em como em meio ao que eles tinham que fazer, foram se tornando pessoas melhores. A autora criou seu próprio meio de enxergar o mundo e fiquei surpresa por ela se manter constante, sempre acho que quando os autores inventam muito, podem acabar se perdendo na história, o que não foi o caso aqui.

Recomendo a leitura para todos aqueles que gostam de fantasia com um toque de conto de fadas.

Depois de comentar, preencha: Formulário

Comente com o Facebook:

6 comentários :

  1. Esse é um livro que acabou me surpreendendo porque não tinha achado que ele seria tão bom, mas ele parece valer a pena. Uma fantasia bem construída e com personagens cativantes. Gostei também pela evolução que eles parecem ter ao longe do livro. Isso faz a leitura mais interessante. Queria ler também.
    ps: não são dois autores?

    ResponderExcluir
  2. Amei este livro! Tem mesmo um toque de contos de fadas, com toda aquela jornada e beijo de amor.

    ResponderExcluir
  3. Pra mim, trama inédita pq ainda não tinha lido nada onde houvesse um "fantasminha camarada" e uma princesa mimada que é a única que pode vê-lo... curti!

    ResponderExcluir
  4. Achei muito interessante a história possuir um "toque" de conto de fadas além do mais, acompanho o escritor Michael Jensen nas redes sociais e genteeee!!! Ele faz de tudo para ficar o mais próximo possível dos leitores (inclusive brasileiros), ou seja, tanto a história, quanto o escritor, já me conquistaram. Haha

    ResponderExcluir
  5. Este livro chamou minha atenção pela capa. Gostei de saber que o livro tem toques de conto de fada. Achei a historia um pouco confusa, mas as resenhas que tenho lido são sempre positivas que vou ler o livro se aparecer a oportunidade.

    ResponderExcluir
  6. Amei a premissa, achei uma história superbacana com elementos fantásticos bem elaborados e originais.
    Quero ler logo!
    E que capa fofa!
    bjs

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Atenção

Oi gente, o blog ganhou um layout novo e como eu migrei do wordpress para o blogger, os posts antigos estão muito bagunçados. Toda mudança gera uma bagunça e não seria diferente por aqui.
Irei arrumando os posts sempre que eu tiver um tempinho, conto com sua compreensão.

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados