Resenha: Um Novo Amanhã - Nora Roberts

15/04/2016

Um Novo Amanhã
A Pousada # 1
Nora Roberts
Ano: 2016 / Páginas: 320
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
A tradicional pousada da cidade de Boonsboro já viveu tempos de guerra e paz, teve diversos donos e até sofreu com rumores de assombrações. Agora ela está sendo totalmente reformada, sob direção dos Montgomerys, que correm para realizar a grande reinauguração dentro do prazo.
Beckett, o arquiteto da família, é um charmoso conquistador que passa a maior parte do tempo falando sobre obras, comendo pizza e bebendo cerveja com seus irmãos Ryder e Owen. Atarefado com a pousada, ultimamente nem tem desfrutado de uma vida social decente, mas pretende mudar logo isso para atrair a mulher por quem é apaixonado desde a adolescência.
Depois de perder o marido na guerra e retornar para Boonsboro, Clare Brewster leva uma vida tranquila cuidando de sua livraria e dos três filhos. Velha amiga de Beckett, ela volta a se reaproximar dele ao ajudar nos preparativos da pousada.
Em meio a essa apaixonante reconstrução, rodeados de amigos, Beckett e Clare passam a se conhecer melhor e começam a vislumbrar um futuro novo e promissor juntos.
Neste primeiro livro da trilogia A Pousada, Nora Roberts apresenta o romântico Beckett Montgomery, que, ao buscar realizar o sonho de sua família, acaba deparando com um amor que pensava estar esquecido.

Em sua nova trilogia, vemos Nora Roberts relaxando em sua zona de conforto. Ela usa a cidade em que vive como palco para nos contar mais uma vez como irmãos encontram os amores de suas vidas. Em Boonsboro Nora Roberts e sua família possuem, uma pousada, uma livraria e uma pizzaria. Portanto ao ler o livro vocês vão encontrar todos esses elementos e é em torno deles que Nora faz mais uma vez sua magia romântica.

Os irmãos Montgomerys e sua mãe decidiram reformar a pousada abandonada da cidade e em como todas as cidadezinhas, algo nesse nível envolve toda a comunidade porque basicamente todo mundo se conhece desde sempre.

Beckett é o caçula dos irmãos, é arquiteto e também um faz tudo, se envolvendo inclusive fisicamente com a reforma. Tem uma paixonite por Clare desde que tinha 16 anos, mas ela se apaixonou por Clint, se casou e se mudou. Infelizmente Clint morre na guerra e ela prefere criar seus três meninos na cidade natal perto dos pais, consegue montar uma livraria com um café e segue sua vida atarefada lidando com três crianças e um negócio. 

Com a reforma da pousada, Clare acaba ficando mais próxima da família Montgomery e Beckett não perde oportunidades de estar próximo, mesmo que no começo fique bem atrapalhado. Mas o romance vai acontecendo em meio a escolhas de pisos, cores e novas ideias trazidas por Clare. Amo como a Nora escreve um primeiro beijo, nunca vou me cansar de ler.

E gostei muito da Nora não se esquecer de envolver completamente os filhos de Clare na história de amor deles, afinal os meninos são diretamente influenciados pelo que acontece ao redor de sua mãe. Foi lindo como Beckett entrou no mundo dos meninos e se apaixonou por eles também. Tem cenas fantásticas com os quatro que vale demais a pena serem lidas.

O fantasma da trilogia eu achei que ficou um pouco “de mais” na história, apesar da Nora fazer dele algo/alguém decisivo no momento de maior perigo para Clare, não acho que era necessário e outras cenas que envolviam o fantasma também não eram. Mas sabemos como Nora gosta de um toque sobrenatural em seus livros e em uma trilogia no quintal da sua casa não poderia ser de outra forma.

Eu adorei a história de amor entre Beckett Montgomery e Clare Brewster, mas tenho que dizer que esse livro para mim foi como um tributo da Nora a cidade em que ela e sua família criaram suas raízes. E acredito que os próximos dois livros tenham esse mesmo clima.

Trilogia A Pousada (Inn Boonsboro Trilogy)

Um novo amanhã – The next always - (#1)
O eterno namorado – The LastBoyfriend - (#2)
O par perfeito – The Perfect Hope - (#3)

Depois de comentar, preencha: Formulário

Comente com o Facebook:

4 comentários :

  1. Acho que vou com essa sério o mesmo que fiz com a dos Primos O'Dwyer, esperar para comprar todos os livros e ler tudo de uma vez. Quanto entro no modo Nora Roberts não quer parar mais de ler.

    ResponderExcluir
  2. Então o livro é daqueles "história que tem parte da vida do autor"? Adoro quando escrevem da cidade que nasceram, cresceram ou vivem. Pode ser estranho ou esperado até, por ter elementos mais fáceis de descrever pro autor na hora de criar histórias, mas acho interessante por ser um modo de saber mais deles...Sei lá, posso estar viajando.
    Agora, desse eu gostei. Os últimos que vi dela não me agradaram pra ler, mas esse parece ser bem Nora Roberts, dos livros que são a marca da autora. E romance é sempre gostoso de ler. Ansiosa pra pegar essa leitura, parece muito boa *-*

    ResponderExcluir
  3. Bati o olho na sinopse: irmãos super amigos, fantasma, arquiteto, paixão da adolescência, crianças, e pensei "uma nova versão dos Mackade!" ♥
    Não tem como não lembrar de Devin Mackade e sua paixão por Cass, que tbm começou na adolescência... Já quero, com fantasma mala e tudo!

    ResponderExcluir
  4. Gostei deste livro tb. Sua resenha foi bem esclarecedora sobre a vida da família de Nora Roberts. Uma boa pesquisa faz a diferença.

    Bjs
    Www.caprichosbyneli.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Atenção

Oi gente, o blog ganhou um layout novo e como eu migrei do wordpress para o blogger, os posts antigos estão muito bagunçados. Toda mudança gera uma bagunça e não seria diferente por aqui.
Irei arrumando os posts sempre que eu tiver um tempinho, conto com sua compreensão.

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados