Resenha: Hotelles - Emma Mars

28/07/2015

HOTELLES_QUARTO_1_1420145792428156SK1420145792B

Hotelles: Quarto 1
Emma Mars
Ano: 2015 / Páginas: 496
Idioma: português
Editora: Rocco




Um quarto de hotel no meio da tarde, na sempre sedutora Paris, é o cenário escolhido pela escritora francesa Emma Mars para contar a história de Annabelle, jovem jornalista que trabalha esporadicamente como acompanhante de luxo. É no Hôtel des Charmes que ela conhece o atraente David Barlet, um magnata da mídia com quem engrena um relacionamento, sem deixar de manter encontros com outros clientes.


Presa a um arriscado e excitante jogo sexual, Annabelle protagoniza uma história rica em detalhes picantes, sem cair na vulgaridade. Espécie de versão contemporânea do clássico Bela da tarde, Hotelles – Quarto 1 é o primeiro de uma trilogia que mistura romance, mistério e intrigas, temperada com uma boa dose de sensualidade.


Mas nem tudo é um mar de rosas, pois entre eles há um segredo. Quem será o enigmático homem enviando a Elle mensagens que parecem adivinhar seus desejos mais secretos? Por que ela se submete a suas instruções e se deixa atrair novamente até o hotel, tornando-se prisioneira desse arriscado jogo sexual?


Acompanhe Elle na descoberta de suas fantasias e deixe-se levar também por essa história rica em detalhes, com uma mescla bem dosada de erotismo, suspense e mistério.




Eu gosto muito de autores franceses e suas tramas, pois sempre são diferentes do que estamos acostumados a ler, e Hotelles não decepciona. É diferente, nada parecido com os livros eróticos de ultimamente. Não só com cenas quentíssimas, mas recheado de intriga e mistério. Além de se passar em Paris!


Annabelle “Elle” Lorand tem trabalhado como acompanhante de luxo para ajudar a pagar as contas. Conhece o rico e bonito David Barlet, em um evento, e ele lhe propõe casamento. Elle assume um último cliente antes do casamento.


Mas as coisas começam a ter um “quê” de mistério, pois ela recebe um caderno para anotar seus pensamentos e passa a receber cartas anônimas, com conteúdo sexual, enigmas e instruções para ir a um quarto específico no Hôtel des Charmes, um hotel cheio de glamour, onde cada quarto homenageia uma famosa cortesã da história da França.


“Um estudo concluiu que os homens pensam em sexo cerca de dezenove vezes por dia. As mulheres, não mais do que dez. E você, quantas vezes se deixa invadir diariamente por esse tipo de pensamento?”


"Passaram-se vários dias até eu receber, colocada na minha caixa do correio, sem selo nem franquia, uma folha solta perfurada cujos furos correspondiam aos anéis metálicos do meu caderno. O autor sentia um prazer evidente em imaginar quais seriam minhas fantasias. Ele escrevia na primeira pessoa, como se fosse eu."


As descrições da autora são riquíssimas em detalhes, além de citar curiosidades das cortesãs que dão nomes aos quartos, descrições da arquitetura e de fragrâncias, por conta da protagonista ter sensibilidade olfativa de dar inveja a qualquer perfumista.


“As notas de baunilha e lavanda que escapavam pela janela entreaberta confundiam-se com o perfume das plantas. Tal era o poder de Louis Barlet: em toda parte deixar sua marca, moldar cada lugar,cada situação à sua exata imagem, reconfigurá-la apenas pelo poder de sua presença, como quis fazer comigo ao escrever meu nome pela cidade.”


Durante as visitas ao hotel, Elle começa a descobrir seus desejos mais secretos e que sua mente e corpo estão sendo acordados de uma maneira que ela nunca acreditou ser possível. Mas algo inesperado acontece, Elle descobre que o irmão do noivo, Louie Barlet, é seu cliente e é responsável pelas cartas e experiências no quarto do hotel.


Elle começa a se questionar. O quê realmente está acontecendo e por quê? O que ela suspeita ser, ou acredita , na verdade pode ser o que jamais pensou em encontrar. Estranho? Sim, mas é isso mesmo.


O que esses irmãos Barlet escondem ou pretendem?


Uma trama cheia de detalhes, o ritmo não é frenético, é mais lento, mas a autora deixa pistas ao longo da história que é bem escrita, com reviravoltas e surpresas que mantém o leitor preso, sem desvendar o mistério, por todo o livro. Elle é inteligente e determinada, não facilmente enganada. Os irmãos tem personalidades distintas e são personagens bem interessantes.


Todos os personagens são bem estruturados, deixando a trama bem envolvente e permitindo ao leitor realmente mergulhar na história. A autora usa um belo vocabulário, cita arte, grandes compositores, locais e muitas histórias. Paris por si só já remete a um glamour e isso fica bem colocado no livro. Por ser o primeiro livro de uma trilogia era de se imaginar que haveria um ponto de ligação para o próximo livro, mas como disse, autores franceses são diferentes, pensam um pouco fora da “caixa”, e esse ponto, esse gancho, está no início do livro.


Com certeza deixa ansiedade para o ler o próximo.


Capa muito bonita, diagramação agradável à leitura. Recomendo!


Rosana Gutierrez


Trilogia Quarto (La trilogie Hotel)

Hoteless – Quarto 1 – ( Hôtel – Chambre un)
Hôtel – Chambre deux
Hôtel – Chambre trois

Depois de comentar, preencha: Formulário

Comente com o Facebook:

5 comentários :

  1. Eu só prezo por uma boa história. Não importa se é erótico, infanto-juvenil ou infantil. Nada de pontas soltas ou diálogos bobos e esse pareceu ser bem legal. Adorei esse clima sombrio, os mistérios e os dois irmãos de personalidades diferentes mantendo a mocinha ocupada hahahahahaha

    ResponderExcluir
  2. De cara não gostei da sinopse, e apesar da história possuir personagens bem estruturados e de todo o mistério que há nela - aprecio essas qualidades nos livros -, não me interessei pela trama.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  3. Olaaa
    Livros com a tematica Hot nunca faz meu estilo, ja tentei e simplesmente nao gostei, mas tenho que confessar que fiquei bem curiosa por esse livro! Ate pq nunca li nada escrito por uma autora francesa e achei a premissa bem interessante!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante! Por não ter só pegação kkkkkkkk
    tem que realmente ter história, mistério, e o romance fofo! Por que não?! Né?
    Vou anotar aqui,e quem sabe ainda leio.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Leticia Ramos de Mello Oliveira31 de julho de 2015 19:05

    Fiquei encantada pelo livro e só ainda não tomei a coragem de comprar. Adoro mistério também, então tudo é bem dosado. Como costumo assistir a TV5 Monde, eu provavelmente devo ter ouvido alguns dos nomes de cortesãs citadas no livro devido a alguns programas de história que já falaram sobre elas. E Paris é sempre encantadora.
    Diferentemente de Bela da Tarde, Ella é atraída para os quartos do hotel devido ao mistério que Louis causa ao seduzir e libertar suas fantasias sexuais sem revelar sua ligação de ser o noivo dela e do porque de fazer isso.
    Já está na lista, só falta a coragem!

    Um abraço!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados