Resenha: O Projeto Rosie - Graeme Simsion

23/06/2015

O_PROJETO_ROSIE_1371147074B

O Projeto Rosie
Graeme Simsion
Ano: 2013 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Record




Para se ter a vida de Don Tillman, não é preciso muito esforço. Às terças-feiras come-se lagosta com salada de wasabi (seguindo um roteiro com refeições padronizadas que evitam o desperdício de ingredientes e de tempo no preparo); todos os compromissos são executados de acordo com o cronograma – alguns minutos reservados para a prática do aikido e do caratê antes de dormir; uma hora para limpar o banheiro; três dias da semana reservados para suas idas à feira – e se, apesar dessa programação, algum desagradável contratempo surgir em sua rotina, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica.


Exceto as mulheres.


Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seleto grupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva.


Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal.


O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e – despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa – mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.




Ainnn que fofo!!!


Quando eu li pela primeira vez uma resenha desse livro eu já imagine o Sheldon Cooper no papel, afinal ele é uma pessoa totalmente lógica e controlada, incapaz de sentir emoções normais à maioria das pessoas.


Realmente, o livro começa assim, mas quando ele começa a trabalhar com o seu Projeto Esposa e encontra a Rosie, todo esse mundinho ordenado começa a se desfazer.


Apesar da Rosie não ser uma candidata a futura esposa, ele se envolve mais com ela e sua procura pelo verdadeiro pai do que se dedica ao seu projeto de conseguir uma companheira para a vida, e finalmente conseguir ter sexo! Afinal, ele já está com 39 anos, e está na hora de começar a ter uma vida!!


É delicioso observar a interação do Don com o mundo real. A Rosie praticamente o arrasta a aventuras inimagináveis, como andar na praia e ultrapassar o limite de velocidade ouvindo música alta. Ela o tira de sua rotina perfeitamente ordenada, muda as suas refeições, atrasa a sua hora de dormir e o embebeda sem dó nem piedade!


Todas essas intervenções o fazem sair da casca, conhecer mais do mundo e entrar em contato com as suas emoções, ou com a falta delas...


Don é muito mais interessante que o Sheldon, afinal ele está disposto a mudar e a testar coisas novas, tudo pelo bem de Rosie! Me diz se isso não é amor?


Cris Paiva


Depois de comentar, preencha: Formulário

Comente com o Facebook:

5 comentários :

  1. Lendo a sinopse não seria um livro que eu leria, após ler a resenha fiquei interessada.
    Deve ser divertido ver a vida organizada do Don sair completamente de sua rotina pela Rosie! A história parece ser muito fofa. Valeu pela dica!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  2. Tbm pensei em Sheldon Cooper e olha que o detesto, mas ri só de imaginá-lo em alguma cena que citou.
    Deve ter sido muito bom ver Rosie entrar na vidinha organizada de Don feito um furacão... adorei hahahahahaha

    ResponderExcluir
  3. Danielle Demarchi29 de junho de 2015 11:57

    Já li esse livro e em um primeiro momento foi quase impossível não notar a semelhança com o Sheldon. Mas, como você disse, o mais legal no Don é que ele está disposto a mudar e a se esforçar a isso para o bem da Rosie.
    É muito legal ver como ele vai mudando aos poucos e fazendo coisas que jamais teria pensado em fazer antes. Os pensamentos dele também são muitas vezes divertidos.
    A única coisa, ou melhor, personagem do qual não gostei foi o melhor amigo dele, mas o livro todo é muito divertido e isso acaba não fazendo diferença.

    ResponderExcluir
  4. Eu sou loooooouca para ler esse livro!!!!
    Parece ser tão engraçado!!!
    Divertido, inusitado, e até pode nos fazer pensar e repensar nas nossas "listinhas do amor" , quantas vezes deixamos pessoas maravilhosas passarem por nossa vida, só porque não fazem nosso "tipo", né mesmo?!
    Por isso quero muito ler esse, e me divertir!
    bjooos

    ResponderExcluir
  5. Eu gosto muito da premissa desse livro! Ela é diferente e passa uma impressão de descontração que deixa o leitor completamente à vontade com a história, cheio de curiosidade para descobrir essa jornada. Realmente o Sheldon é a personagem encarnado! A capa é linda e eu tenho muito interesse na leitura.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados