Resenha: Uma Noite Para Se Entregar - Tessa Dare

29/04/2015

UMA_NOITE_PARA_SE_ENTREGAR_1426211219439496SK1426211219B

Uma Noite Para Se Entregar
Spindle Cove - Livro 01
Tessa Dare
Ano: 2015 / Páginas: 288
Idioma: português
Editora: Gutenberg




Spindle Cove é o destino de certos tipos de jovens-mulheres: bem-nascidas, delicadas, tímidas, que não se adaptaram ao casamento ou que se desencantaram com ele, ou então as que se encantaram demais com o homem errado. Susanna Finch, a linda e extremamente inteligente filha única do Conselheiro Real, Sir Lewis Finch, é a anfitriã da vila. Ela lidera as jovens que lá vivem, defendendo-as com unhas e dentes, pois tem o compromisso de transformá-las em grandes mulheres descobrindo e desenvolvendo seus talentos.
O lugar é bastante pacato, até o dia em que chega o tenente-coronel do Exército Britânico, Victor Bramwell. O forte homem viu sua vida despedaçar-se quando uma bala de chumbo atravessou seu joelho enquanto defendia a Inglaterra na guerra contra Napoleão. Como sabe que Sir Lewis Finch é o único que pode devolver seu comando, vai pedir sua ajuda. Porém, em vez disso, ganha um título não solicitado de lorde, um castelo que não queria, e a missão de reunir doze homens da região, equipá-los, armá-los e treiná-los para estabelecer uma milícia respeitável.
Susanna não quer aquele homem invadindo sua tranquila vida, mas Bramwell não está disposto a desistir de conseguir o que deseja. Então os dois se preparam para se enfrentar e iniciar uma intensa batalha! O que ambos não imaginam é que a mesma força que os repele pode se transformar em uma atração incontrolável.



Comprei seguindo recomendações e não me arrependi!
O romance tem tudo o que eu gosto: é de época, tem mocinha decidida, mocinho tudão e mandão, bastante romance, cenas quentes e é bem humorado!


O mocinho, Bram, se feriu durante a guerra e agora está indo com os seus homens para Spindle Cove, falar com o conselheiro do rei, quando são impedidos por um rebanho de ovelhas, que resolvem pastar no meio da estrada, atrapalhando a tudo e a todos. Ovelhas são muito sem-noção! Para conseguir passagem, eles resolvem “explodir” as benditas e o fato causa rebuliço e quase acabam explodindo a mocinha, Susanna, por tabela!


Susanna tem um programa para mulheres “incomuns” na cidade, a com isso ela acabou tornando a pequena cidadezinha em um refúgio e as mulheres acabaram tomando conta de tudo! Não sobrou um homem de verdade na cidade para contar a história, somente um bando de efeminados com passas secas e gravetinhos raquíticos no lugar das bolas! Mas Bram e seu bando estão dispostos a mudar as coisas, e devolver as bolas e a dignidade para os homens da cidade. Ele foi incumbido de formar uma milícia para defender a cidade durante a guerra e vai fazer isso custe o que custar!


O problema, é que parece que o único “homem de verdade” da cidade inteira é a justamente a mocinha! E os dois vão brigar e fazer as pazes praticamente o livro inteiro. Bram é caidinho por ela, e não faz questão de esconder isso, mas a Susanna é resistente e vai dar uma canseira danada nele!


Adorei, o livro é ótimo e divertido. Mal vejo a hora de ler os outros da autora.



Cris Paiva


Série Spindle Cove


Uma Noite Para Se Entregar - A Night to Surrender (Spindle Cove, #1)
Once Upon a Winter's Eve (Spindle Cove, #1.5)
A Week to Be Wicked (Spindle Cove, #2)
A Lady by Midnight (Spindle Cove, #3)
Beauty and the Blacksmith (Spindle Cove, #3.5)
Any Duchess Will Do (Spindle Cove, #4)



Depois de comentar, preencha:


Formulário

Comente com o Facebook:

6 comentários :

  1. Também gosto de livros de época com mocinha decidida e mocinho mandão!!
    Esse livro com certeza é pra mim!! Amo livros com histórias divertida com protagonistas briguentos. Valeu pela dica, vou pesquisar mais sobre ele!

    ResponderExcluir
  2. Nossa o livro parece ser ótimo, curto muito romance de época, mocinha decidida, mocinho mandão, cenas quentes e história divertida, fiquei doida pra ler!

    ResponderExcluir
  3. ELIZABETH MACHADO SALLES30 de abril de 2015 09:41

    Personagens assim são ótimos de curtir. Os dois turrões e de personalidades quentes. Rsrsrs Gostei de conhecer a trama e pelo que vi tem muita emoção rolando nessas páginas. Com certeza vou ler.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Leticia Ramos de Mello Oliveira30 de abril de 2015 15:36

    Spindle Cove me lembrou Cordeiro (Ovelha, cordeiro: Tudo a ver!), uma cidade aqui no Brasil onde só vivem mulheres. Há até uma lenda ligada a ela, dizendo que a cidade ficou assim porque uma mulher fugiu de um casamento combinado.
    Mas é engraçado ver uma trama de gato e rato, onde a mulher é em pé de igualdade com o homem. Deveria ser sempre assim, até na vida real.
    Provavelmente o romance não será lido por quem é membro da Sociedade Protetora dos Animais devido ao incidente das ovelhas. hihihi

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. hahahahahahahahahaha gargalhei com a sua resenha!!!
    Já tinha me apaixonado pela capa, agora então PRECISO do livro!
    "O problema, é que parece que o único “homem de verdade” da cidade inteira é a justamente a mocinha!"... amando muito essa dupla desde já ♥

    ResponderExcluir
  6. Na verdade o acidente foi com a mocinha. Nenhuma ovelha foi ferida ou comida nesse livro. Kkkkkkk

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Atenção

Oi gente, o blog ganhou um layout novo e como eu migrei do wordpress para o blogger, os posts antigos estão muito bagunçados. Toda mudança gera uma bagunça e não seria diferente por aqui.
Irei arrumando os posts sempre que eu tiver um tempinho, conto com sua compreensão.

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados