Resenha: Abigail – Nora Roberts

15/03/2015

ABIGAIL__1394371308B

Abigail
Os O'Hurley 1/4
Nora Roberts
Ano: 2009 / Páginas: 307
Idioma: português
Editora: Harlequin books




Neste romance, o jornalista Dylan Crosby quer escrever a biografia definitiva do marido falecido de Abby O'Hurley, o campeão de Fórmula 1 Chuck Rockwell. Antes de conhecê-la pessoalmente, ele estava certo de que ela não passava de mais uma golpista coberta de joias e roupas de grife.


Ela aceita ser entrevistada, ainda que tema certas perguntas que Dylan certamente fará. Ao passar uma temporada na fazenda de Abby, o jornalista reforça sua crença de que ela sempre fingiu ser uma mulher simples e a mãe dedicada de dois meninos, Bem e Chris, que mal conheceram o pai.



Sou fã da Nora Roberts. Adoro suas histórias e não me canso de lê-las, ainda bem que ela não se cansa de escrevê-las.


Abigail é um livro que fala sobre como a vida pode dar voltas, mas os objetivos nunca mudam. Queremos ser felizes, e quando imaginamos o que pode nos fazer felizes, nossa imaginação não tem limites e falhas. Mas a realidade…


Abigail é a O’Hurley que sempre quis um lar, um lugar seu onde pudesse ter uma família e ser feliz para sempre. Aos 18 anos quando conhece Chuck, acha que seu conto de fadas vai se realizar. Só que ele não é um príncipe encantado e muito menos um cavaleiro em uma armadura brilhante.


Mesmo quando a vida feliz que ela imaginou não aconteceu, encarou tudo e conseguiu criar uma vida maravilhosa para seus filhos. Admiro mulheres assim, que enfrentam tudo e conseguem ser boas pessoas e mães fantásticas. Tenho exemplo em casa, minha mãe é uma guerreira.


Dylan é um jornalista cínico e preconceituoso que acha que é o dono da razão. Vai até a casa de Abigail para desvendar a vida do marido e lançar sua biografia expondo o que ele chama de “A mais pura verdade”.


Como o preconceito é algo que faz parte do dia a dia mesmo que as pessoas chamam de outro nome não é mesmo? Uma coisa é você ter um instinto que lhe diz que algo está errado, outra é julgar na base de “achismos”.


Abigail foi uma constante o livro todo, uma mulher ingênua mas forte. Já Dylan foi mudando, ou melhor, voltando a ser. Voltou a acreditar no amor, nos sonhos, na esperança, coisas que somente o amor faz com a gente. Ele foi se mostrando um cara fácil de se apaixonar.


Quando o romance aconteceu, percebemos que o passado não deve ser enterrado ou esquecido. Ele precisa ser curado.


O livro é muito bom, não há mistérios nem nada mais complicado que o amor tentando se estabelecer. Vale a pena lê-lo. As interações entre os personagens da Nora sempre são muito boas.


E ao ter uma palhinha das irmãs, dá vontade de ler logo os outros para saber como as divas irão encontra o amor.


E claro que devemos falar do Papai O’Hurley. Gente, que personagem fantástico! Adoraria que a Nora tivesse escrito a história de amor dele com a Mamãe O’Hurley. Rs


assinatura

Os O'Hurley

#1 - Abigail - The Last Honest Woman
#2 - Maddy - Dance to the Piper
#3 - Chantel - Skin Deep
#4 - Trace - Without A Trace

Depois de comentar, preencha:


Formulário

Comente com o Facebook:

2 comentários :

  1. Tbm gosto da Nora, apesar de achar algumas de suas histórias bem parecidas com outras. Mas mulher forte é uma constante, mulher que é pai e mãe ao mesmo tempo, que não mede esforços pelos filhos. Pretendo ler a série, mas não agora pq tenho muita coisa ainda na pilha.

    ResponderExcluir
  2. ELIZABETH MACHADO SALLES16 de março de 2015 08:49

    Nora está sempre nos surpreendendo com seus romances lindos e envolventes. Adorei conhecer este romance. Já estava ansiosa pra saber como seria e agora... Estou encantada com a história e os personagens. A mocinha tem cara de ser decidida e forte. Gosto de personagens assim. Nada de mocinhas bobas e indecisas, Rsrsrs Com certeza vou ler.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Atenção

Oi gente, o blog ganhou um layout novo e como eu migrei do wordpress para o blogger, os posts antigos estão muito bagunçados. Toda mudança gera uma bagunça e não seria diferente por aqui.
Irei arrumando os posts sempre que eu tiver um tempinho, conto com sua compreensão.

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados