Resenha: Beijos Roubados - Nora Roberts

26/01/2015

BEIJOS_ROUBADOS

Beijos Roubados
Uma promessa quebrada / Um amor em construção
Nora Roberts
ISBN: 9788539800100
Ano: 2010 / Páginas: 420
Editora: Harlequin Books




Uma promessa quebrada


Ao alugar de seu primo uma belíssima casa, a escritora Jacqueline MacNamara não esperava encontrar nela Jake, o herói de seu romance… na pele de Nathan, o verdadeiro dono do imóvel. Ele também se surpreende ao retornar de uma longa viagem de trabalho e descobrir uma “hóspede” inesperada em seu lar. Agora, contudo, terão de chegar a um acordo… sem promessas…


Um amor em construção


Para a engenheira Abra Wilson, arquitetos ignoram as características naturais de um lugar em nome dos aspectos estéticos de seus desenhos. Porém, ela terá de seguir todos os detalhes do projeto de Cody para a construção de um resort em Phoenix. Em meio aos afazeres do canteiro de obras, eles travam uma batalha monumental… até desconfiarem de que talvez estejam sendo alvo de sabotagens.



Eu comprei esse livro numa promo de 12,90 na Harlequin, depois que paguei acabei lendo umas resenhas bem negativas sobre as histórias. Ainda bem que sou do tipo que paga pra ver, pois se tivesse me deixado influenciar teria perdido duas histórias ótimas!!


São duas historias "de banca" da diva, então nada de enredos elaborados por aqui.
Na primeira "Uma promessa quebrada", a mocinha aluga uma casa do primo caloteiro, achando que vai ter paz e sossego para escrever o seu livro sobre um cowboy tudão no velho oeste, quando é surpreendida pelo proprietário enfurecido da casa, que aliás é a cara do seu herói!
Ele a quer fora de lá imediatamente, mas ela consegue convencê-lo de os dois foram passados para trás pelo primo vigarista, e como ela assinou um contrato e pagou adiantado, não tem intenção nenhuma de sair de lá e lidar com o prejuizo. Ela acaba vencendo o sr. Arquiteto Arrumadinho pelo estômago e os dois entram em acordo.
Jackie, a mocinha, acaba ficando caidinha pelo Nathan, e quer convencê-lo a qualquer custo a dar uma chance aos dois, e para isso ela inferniza a vida do coitado dia sim e outro também, usa roupas provocantes, biquinis, compra camisetas ridiculas para ele, e se faz indispensável! Sem contar os beijos que roubados por ambos os lados que acaba pondo mais lenha na fogueira. Olha, quase me deu dó do sr. Emproadinho de tanto que ele sofreu nas mãos dela.


A segunda historia “Um amor em construção”, sobre o sócio do Nathan, Cody, me surpreendeu agradavelmente. Eu terminei a primeira historia totalmente encantada e achei que a proxima seria para tapar buraco. Mas não, ela também é ótima!!


Cody esta trabalhando em projeto de um resort chiquerrimo no meio do deserto de Phoenix e logo em seu primeiro dia no trabalho novo é atacado por uma engenheira ensandecida que o confunde com um operário da construção, grita com ele e joga uma lata de cerveja em sua cabeça. Naquele momento, ele descobre que ela é a mulher de sua vida e faz de um tudo para enfezar a mulher, tirar ela dos trilhos, e fazer de seu trabalho como engenheira a maior pagação de pecados dos ultimos tempos. E claro, entra numa campanha cerrada para levar a moça bravinha para jantar.
Fiquei com dó da Abra, ela só queria se livrar do arquiteto com mania de grandeza e acabou arrumando um encosto daqueles!! Kkkkkkk


As duas historias pegam leve, são bem românticas e não fogem do estilo “romance de banca”. Então, leia e divirta-se!


… por Cris Paiva


Depois de comentar, preencha:


Formulário

Comente com o Facebook:

9 comentários :

  1. Ai nem me diga de dor nas costas, passei por momentos bem dif

    ResponderExcluir
  2. Adoro o jeito como Nora sabe conduzir boas brigas que acabam em beijos.
    Eu qse comprei esse livro - desisti por conta de resenhas negativas - e agora to arrependidíssima!

    ResponderExcluir
  3. Até nos romances de banca menos elaborados a Nora manda bem, sou fã de carteirinha dela!

    ResponderExcluir
  4. Leticia Ramos de Mello Oliveira28 de janeiro de 2015 14:55

    Eu também gosto dos romances de banca da Nora. Podem até ser mais leves, mas não perdem em encanto. Até já me apaixonei por um dos protagonistas dessa fase da Nora.
    Ah, por curiosidade: Há uma história que a Nora escreveu que é a história escrita pela Jackie em Uma promessa quebrada (Tipo como fizeram nos EUA com os livros escritos pelo Castle da série de TV.) Ela já foi até publicada em forma de livro de livraria pela Harlequin com o nome de Fora da Lei, mas no site da Harlequin, ele já se esgotou.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. Eu ja tinha comprado o Fora da Lei no sebo uns tempos atras, depois fiquei sabendo que tinha um livro antes desse, e agora que finalmente consegui comprar e ler o primeiro, vou partir para o segundo! Pra mim, tem de ler na ordem, senão o meu TOC fica doidinho!! Kkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Afff!! Só dou trela para as resenhas quando citam alguma coisa que realmente me incomoda. O problema é que depois que a Nora virou diva, o povo acha que ela só tem de escrever obra-prima, e se esquecem que esses livrinhos mais despretensiosos também dão um bom caldo.

    ResponderExcluir
  7. Na minha opinião os livrinhos despretensiosos são os melhores Nathalia! Não é sempre que eu tenho saco para ler obras-primas (aliás, quase nunca).

    ResponderExcluir
  8. Olá Cris,
    Meninaaaa eu amei a premissa de ambas. Ri com a ideia da mocinha da primeira história de provocar o rapaz, e que jeito ela arrumou, foi bem esperta. Comida e tentação, não tinha como o Nathan resistir por muito tempo, né. kkk
    E a segunda foi o inverso?! Deve ser ótima para não ficar com cara de mesmice. Mocinho perseguidor, e deve ter um certo trabalho para a garota descer do salto.
    Só espero que ambos consigam seus propósitos com estilo.
    Adoro livros assim e quando o dueto é na medida certa, já quero ler. =)

    ResponderExcluir
  9. Gostei bastante da premissa dos dois romances!
    Conheço apenas "Quarteto de Noivas" de todos os trabalhos da Nora Roberts e gosto bastante do enredo e dos personagens também. Ela tem talento e os mocinhos são incríveis e irresistíveis e vejo que nos romances de banca isso não é muito diferente rs Pelo visto as duas histórias são envolventes, o que me deixa ainda mais entusiasmada pela obra.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados