Resenha: Ruínas de Gorlan - John Flanagan

06/12/2014

rangers

 

Ruínas de Gorlan
Rangers: Ordem dos Arqueiros 1
John Flanagan
ISBN: 9788576762775
Ano: 2009 / Páginas: 239
Editora: Fundamento




Durante a vida inteira, o pequeno e frágil Will sonhou em ser um forte e bravo guerreiro, como o pai, que ele nunca conheceu. Por isso, ficou arrasado quando não conseguiu entrar para a Escola de Guerra. A partir daí, sua vida tomou um rumo inesperado: ele se tornou o aprendiz de Halt, o misterioso arqueiro, que muitos acreditam ter habilidades que só podem ser resultado de alguma feitiçaria. Relutante, Will aprendeu a usar as armas secretas dos arqueiros: o arco, a flecha, uma capa manchada e... um pequeno pônei muito teimoso. Podem não ser a espada e o cavalo que ele desejava, mas foi com eles que Will e Halt partiram em uma perigosa missão: impedir o assassinato do rei. Essa será uma viagem de descobertas e aventuras fantásticas, na qual Will aprenderá que as armas dos arqueiros são muito mais valiosas do que ele imaginava.



Em uma época medieval, os jovens que ficavam órfãos eram educados pela generosidade do senhor do feudo. Aos 15 anos, esses jovens tinham a oportunidade de melhorarem de vida ao se candidatarem para aprender um ofício.


Will é um dos órfãos, diferente dos outros, não sabe nada sobre os seus pais além do que estava escrito no bilhete que estava com ele “seu pai morreu como um herói”. Com somente essa informação. Ele criou uma história majestosa sobre a vida e morte de seu pai, por isso quer ir para a escola de guerra e assim ser tão herói quanto o pai que ele imaginou. Porém como ele é pequeno e magro foi recusado.


Halt é o arqueiro do feudo, depois de ver Will ser recusado na escola de guerra, se oferece para treiná-lo para o oficio de arqueiro.


Andava somente na minha zona de conforto literário, os romances. Mas eu gosto muito de histórias desse estilo, época medieval, cavaleiros, arqueiros. Quando um colega de trabalho não parou de falar bem dos livros, eu não resisti e fui ler.


E amei! O mundo criado por John Flanagan é bem fundamentado, com isso completamente crível. Ele mistura o fantástico com situações familiares, por exemplo o bullying que Will e Horace sofrem. A história é dinâmica, os personagens cativantes, logo de cara eu comecei a torcer pelo Will, queria ser amiga do Halt e que os outros órfãos tivessem sucesso no oficio que escolheram.


Me envolvi completamente, não conseguia virar as páginas rápido o suficiente para saber o que viria a seguir.


Em meio ao treinamento de Will, um antigo inimigo do reino reaparece. Com a ameaça iminente, Will será mais testado que o planejado. As cenas de perigo são bem legais.


Eu não gosto de livros narrados em primeira pessoa, eu acho que algo da história acaba se perdendo, mas isso não acontece aqui. John Flanagan narra em terceira pessoa dando voz a todos os personagens envolvidos na cena. Seria até um pouco confuso se o autor não fosse tão bom, ele consegue deixar tudo uniforme.


Amei a história e amei a narrativa, me conquistou totalmente.


assinatura


Rangers: A Ordem dos Arqueiros

#01 As Ruínas de Gorlan (The Ruins of Gorlan)
#02 Ponte Em Chamas (The Burning Bridge)
#03 Terra do Gelo (The Icebound Land)
#04 Folha de Carvalho (The Battle for Skandia)
#05 O Feiticeiro do Norte (The Sorcerer of the North)
#06 Cerco a Macindaw (The Siege of Macindaw)
#07 Resgate de Erak (Erak’s Ransom)
#08 Reis de Clonmel (The Kings of Clonmel)
#09 Halt em perigo (Halt’s Peril)
#10 Imperador de Nihon-Ja (The Emperor of Nihon-Ja)
#11 Histórias Perdidas (The Lost Stories)
#12 Arqueiro do Rei (The Royal Ranger)

#11.5 (Death of a Hero)

2801276731162G

John Flanagan (nascido em Sydney, Austrália, 22 de maio de 1944) é um escritor australiano, conhecido por ter publicado a série de livros Rangers: Ordem dos Arqueiros. Originalmente, escreveu estes livros para encorajar seu filho a ler. Michael era um garoto pequeno, assim como Will no livro, e todos os seus amigos eram maiores e mais fortes que ele. John queria mostrar que ler era divertido e que os herois não precisam ser grandes e musculosos.


Começou como publicitário, depois se tornou escritor e editor de textos. Criou dingles para comerciais, folhetos e videos coorporativos. Também foi autor de comédias e dramas da TV.


Em 2008 ele ganhou os prêmios de livro do ano para crianças e de sucesso internacional da Australian Publishers Association pelo livro Erak’s Ransom.



Comentarista Premiado < Formulário >

Comente com o Facebook:

3 comentários :

  1. Já tinha visto esse livro por aí e já tinha me interessado, agora me interessei mais ainda. Adoro histórias medievais, com heróis e tudo mais. Só que é uma série tão grande que até desanima rs

    ResponderExcluir
  2. Tinha visto esse livro em alguma livraria e pensei que podia ser legal, mas sempre que vou a livrarias, não tenho dinheiro (sou muito boa em planejar as coisas, sabe?).

    Eu também sou mais fã de romances quando se trata de livros. :)

    Beijinhos ;*

    ResponderExcluir
  3. Acompanho resenhas e em sua maioria são positivas, mas o tamanho da série me desanima bastante. Ainda tem o agravante de não ser o meu gênero favorito e uma coisa leva à outra e aqui estou eu protelando o início da série =(

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados