Resenha: Cinder - Marissa Meyer

15/11/2014

As-Crônicas-Lunares-Cinder-Marissa-Meyer

 

Cinder
Crônicas Lunares - Livro 01
Marissa Meyer
ISBN: 9788579801525
Ano: 2013 / Páginas: 448
Editora: Rocco




Num mundo dividido entre humanos e ciborgues, Cinder é uma cidadã de segunda classe. Com um passado misterioso, esta princesa criada como gata borralheira vive humilhada pela sua madrasta e é considerada culpada pela doença de sua meia-irmã. Mas quando seu caminho se cruza com o do charmoso príncipe Kai, ela acaba se vendo no meio de uma batalha intergaláctica, e de um romance proibido, neste misto de conto de fadas com ficção distópica.



Amo distopias, claro que a morte de pessoas queridas dos protagonistas sempre me aflige, mas as alternativas para um mundo pós guerra ou pós apocalíptico são fascinantes.


Esse livro foi mais um caso de amor à primeira lida da sinopse. Uma Cinderela ciborgue com direito a príncipe, madrasta mé e bruxa malvada? Não tinha como a pessoa aqui ficar imune!


As semelhanças com a história da cinderela são ressaltadas a cada capítulo, mas confesso que o lado distópico me deixou confusa. É que ela foca bastante nos conflitos e na praga que assola a humanidade e eu ficava com medo de criar expectativas em relação ao romance.


Ai a ficha caiu né, tipo, sua louca, o livro é baseado na cinderela! É obvio que o romance é importante! Devo dizer que foi libertador. rs


Gostei da história, a parte distópica foi legal. No começo a gente pensa que o grande inimigo é a doença misteriosa, depois vamos pegando as dicas que as coisas são muito além disso.


Eu não tive nenhuma dúvida sobre minhas reações a maioria dos personagens. Cinder, sozinha e perdida mas segura do que queria. A Rainha Levana com sua ambição desmedida e se não estou enganada, rolou um pouco de Branca de neve misturada nessa cinderela… rs


Agora o príncipe Kai me confundiu, não sabia o que pensar dele na metade do livro e estou ansiosa pela sequencia, para saber se ele é um príncipe mesmo ou um sapo bem disfarçado.


assinatura




Série Crônicas Lunares:

Glitches (The Lunar Chronicles, #0.5)

The Little Android (The Lunar Chronicles, #0.6)

Cinder - (The Lunar Chronicles, #1)

The Queen's Army (The Lunar Chronicles, #1.5)

Scarlet - (The Lunar Chronicles, #2)

Cress (The Lunar Chronicles, #3)

Carswell's Guide to Being Lucky (The Lunar Chronicles, #3.1)

(The Lunar Chronicles, #3.5)

Winter (The Lunar Chronicles, #4)

Sobre a autora:


marissa_meyer_10-550x366


Marissa Meyer nasceu em 1984, e foi criada em Tacoma, Washington, onde ainda reside com o marido Jesse e dois gatos. Estudou Escrita Criativa na Lutheran University e se descreve como uma apaixonada por livros, contos de fadas e uma verdadeira road-trip, de imaginação fértil. Seu estilo já foi descrito como solarpunk e retrofuturista. A primeira publicação de Cinder foi feita em 2012, pela Feiwel and Friends, um selo da Macmillan Children’s Publishing Group. A Rocco reservou os direitos de publicação do seu livro para o Brasil.



Comentarista Premiado < Formulário >

Comente com o Facebook:

6 comentários :

  1. Amo esse "up" que vem sendo dado aos contos e uma cinderela ciborgue é uma coisa nova, mas fico muito angustiada com distopias e me prometi que agora só vejo as adaptações... sofro duas horinhas com o filme e pronto hahahahaha

    ResponderExcluir
  2. AMO esse livro. Amo ficção, amo distopia, amo releitura de contos. Estou para ler Scarlet...

    ResponderExcluir
  3. Eu estou doida pra ler esse livro. Também amo distopias e amo a história da Cinderela, então não tem como resistir. A história parece ser ótima, e acho que vou adorar essa cinderela ciborgue. Mas só vou ler esse, quando o último livro for lançado, aí leio todos de uma vez hahaha
    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Oi Elis, também gosto de distopias, e misturá-las com contos de fadas deve ser interessante. Ainda não li este, mas desde o lançamento dele já tinha anotado o título.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Eu queria muito ler esse livro. Amo distopias, e amo a Cinderela, então não tem como não gostar. Eu adoro esses contos de fadas adaptados, e esse livro parece ser bem diferente da maioria. E essa capa é linda! O único problema é que eu não vejo ele em promoção :P
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Sabe quando não rola aquela química quando você vê a capa? Então, foi o que aconteceu comigo e com esse livro. A capa não me chamou a atenção, mesmo nem sabendo do que se tratava, e lendo a sua resenha, apenas confirmou que não devo lê-lo rs Achei muito confuso a mistura de distopia com a Cinderela, a praga que assola a humanidade, sei lá, não consigo juntar as peças sabe? Essa leitura eu passo :/

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados