Resenha: O Visconde que me amava – Julia Quinn (The Bridgertons 2)

24/10/2014

Ciao!!!



 


Li este livro em HORAS. Significa “leitura sem parar porque precisava desesperadamente saber o que ia acontecer.” E muitas risadas com as aventuras e desventuras dos personagens.

Ou seja, preciso dizer que é leitura imperdível e obrigatória?

 

O Visconde que me amava – Julia Quinn – Arqueiro (The Bridgertons 2)

(The Viscount Who Loved Me – 2000)

Personagens: Anthony Bridgerton e Katharine “Kate” Sheffield

 

Anthony tinha uma certeza e, por causa disso, entendeu que havia chegado a hora de se casar. Na mente dele estava tudo definido: escolheria uma mulher adequada, a respeitaria, teriam filhos, ele cuidaria dela, mas nunca poderia amá-la. E a “Incomparável” da temporada de 1814, Edwina Sheffield, estava perfeitamente adequada para o que ele tinha em mente. Mas a irmã dela, Kate, estava convencida de que ele não daria um bom marido e ele teria que fazer com que ela mudasse de ideia.

 

Comentários:

 

- Apesar do início do livro já entregar de cara qual é a “certeza” que motiva as decisões de Anthony, não vou contar aqui. Você tem que ler para entender o que aconteceu que o levou a agir assim. No fim do livro, tem uma carta da autora sobre o assunto, porque ela ficou preocupada imaginando que quem lesse poderia não compreender. Por mim, ela pode ficar tranquila. Fez total sentido.

 

- Como é bom ler livro onde a autora domina os personagens e sabe o que faz com eles. Anthony apareceu no livro de Daphne como irmão mais velho superprotetor. Agora ele está de vez na mira das casamenteiras com uma diferença – ele está decidido a se casar, mas nos termos dele. Ele já escolheu a noiva ideal, mas para cortejar Edwina precisava da aprovação da irmã mais velha e menos deslumbrante, Kate. E Kate não tinha muita paciência com admiradores aduladores nem com libertinos que agora queriam sossegar.

 

- Óbvio que “o santo” de Kate e de Anthony não bate de jeito nenhum. Os dois são mais parecidos que conseguem perceber, tão preocupados que estavam em irritar e provocar um ao outro. Há cenas hilárias, como a do passeio perto do lago com Newton, o cachorro socialíssimo; o jogo de Pall Mall dos Bridgertons (se houvesse algo parecido na minha família, posso garantir que a dinâmica seria muito parecida); a cena da defesa da honra de um patinho feio no baile lavou a minha alma. É muito legal ver a relação de Kate e Anthony evoluindo da antipatia para a compreensão e para o amor. É muito gostoso vê-los descobrir, como disse ali em cima, o quanto parecidos e perfeitos um para o outro eles são. E vale a pena conferir o quanto um ajuda o outro a se tornar uma pessoa melhor, mesmo com os defeitos e com os medos de cada um.

 

- E de quebra, voltamos a acompanhar a dinâmica da família, com participações de todos os irmãos, em especial dos outros dois rapazes mais velhos Benedict e Colin (aliás, sinto que quando chegar a vez dele, Anthony vai passar o livro com uma placa: “BEM-FEITO!” só para se vingar de algumas coisinhas que Colin faz aqui). Eloise também aparece, com uma missão importante e a gente ainda revê Daphne e Simon desfrutando de plena felicidade conjugal. Estou com uma suspeita envolvendo uma personagem que apareceu na história conversando com Kate, mas quero dar uma pesquisada para saber se faz sentido. E definitivamente preciso descobrir quem é a superbeminformada Lady Whistledown, mas por enquanto nenhuma das minhas suspeitas parece ser a correta (e nem adianta, não vou ler spoilers sobre isso porque gosto de brincar de detetive).

 

Eis a lista completa da série Bridgertons, com o nome de cada irmão protagonista. À medida que os livros forem publicados, atualizo com os respectivos cônjuges.

 


2. The Viscount Who Loved Me (2000) – O Visconde que me amava – Anthony Bridgerton e Kate Sheffield

3. An Offer from a Gentleman (2001) – Um perfeito cavalheiro – Benedict Bridgerton e Sophie Beckett (a capa deste livro está na contracapa de O Visconde que me amava). 

4. Romancing Mr. Bridgerton (2002) – Os segredos de Colin Bridgerton –  Colin Bridgerton e Penelope Featherington.

5. To Sir Philip,with Love (2003) – Para Sir Philip, com amor* - Eloise

6. When He Was Wicked (2004) – O conde enfeitiçado * - Francesca

7. It's in His Kiss (2005) – Um beijo inesquecível* - Hyacint 

8. On the Way to the Wedding (2006) – A caminho do altar*-  Gregory

* De acordo com a cronologia publicada no livro, os títulos são provisórios.

Vi nas redes sociais da editora que o terceiro livro deve ser lançado só no ano que vem #chatiada (lógico que ele já estava na minha lista de presentes de aniversário/amigo oculto/Natal. Buá)

 


 

Bacci!!!

 

...por Beta 

Comente com o Facebook:

2 comentários :

  1. Todos me recomendam essa série... amo romance de epoca e ainda não conheço Julia Quinn... Sacrilegio, não?
    Sua resenha me deixou coi ainda mais agua na boca para conhecer essa serie

    ResponderExcluir
  2. Adorei essa historia estilo Cinderela! Alias, todos os livros da serie são bons ou ótimos! Claro que alguns ainda são maravilhosos... o que me irrita é essa pasmaceira para publicar a série. Por mim saía um livro há cada 15 dias! kkkkkkk

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar!
Feliz dia!!!

Mais Recentes

Cadastre seu email

Você quer receber as postagens do CODINOME por e-mail? Então, inscreva-se aqui.

Em seguida, é preciso ativar a assinatura na mensagem de confirmação que vocês receberão em nome do Google FeedBurner.

Link Me!

CODINOME LEITORA

Codinome: Leitora - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados